Começa hoje a 1ª fase do eSocial para Simples Nacional - Calendário de Implantação

Começa hoje a 1ª fase do eSocial para Simples Nacional - Calendário de Implantação

Começa hoje o prazo para a implantação da primeira fase do eSocial para empresas do simples nacional, e agora é pra valer!

“O e-Social substituirá o preenchimento e a entrega de formulários e declarações, eliminando a redundância nas informações prestadas por pessoas físicas e jurídicas. O objetivo é reduzir a burocracia e aprimorar a qualidade das informações das relações de trabalho, previdenciárias e tributárias”, justifica o analista do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais (Sebrae Minas) Haroldo Santos.

A segunda fase começa no dia 10 de abril e termina em julho, quando as empresas deverão enviar informações sobre seus funcionários, como admissões, afastamentos e demissões. Ao final desse prazo, a folha de pagamento dos empregados será obrigatoriamente gerada pelo novo sistema.

A partir de outubro, a Guia de Informações à Previdência Social (Gp) será substituída definitivamente pelo sistema eletrônico, possibilitando o cruzamento de dados dos empregadores com os do governo. Nesta etapa, também serão substituídas as guias de Recolhimento do FGTS (GRF) e a de Recolhimento Rescisório do FGTS (GRRF). A última fase do e-Social será em julho de 2020, quando as empresas deverão enviar as informações sobre a segurança e saúde dos funcionários.

CALENDÁRIO DE IMPLANTAÇÃO


Fases
Eventos
Período
1ª faseCadastros do empregador e tabelas10 de janeiro a 10 abril
2ª faseEnvio de dados dos trabalhadores, como admissões, afastamentos e desligamentosa partir de 10 abril
3ª faseEnvio das folhas de pagamentoa partir 10 de julho
4ª faseSubstituição do Guia de Informações à Previdência Social (GP) e compensação cruzada. Substituição da GRF e GRRF para recolhimento do FGTSa partir de outubro
5ª faseTransmissão de todos os dados de segurança e saúde do trabalhadora partir de julho de 2020


Durante o período de implantação do eSocial preciso enviar o CAGED e SEFIP?

Confesso a vocês que eu busquei esta informação e o fato é que não há uma resposta que se dê para confiar ainda, mas o que eu irei fazer particularmente, enquanto o eSocial não estiver totalmente implantado, eu continuarei enviando estas declarações e também as informações ao eSocial, até que apenas o eSocial aceite as informações, para o momento só temos que obedecer e enviar as informações, e com o tempo tudo vai se ajustando.

Gostou do artigo? compartilhe!
Tecnologia do Blogger.